quarta-feira, 28 de julho de 2010

 Eu desabafei!


Toda a minha vida, aliás a minha pouca vida, procurei  pessoas que me dessem segurança, amigas que me fizessem rir, amigos que soubessem meus anseios, meninas que fossem parceiras... Procurei algo tão banal e acabei encontrando.
Vivi momentos únicos, partilhei de aventuras inigualáveis, comi comidas saborosas, lambuzei-me de sorvete inúmeras vezes, chorei apenas por chorar, sorri mesmo sem saber do que...
...Todavia tive perdas também, quem não tem não é mesmo? Perdi pessoas que eram minha base, perdi amigos, perdi cachorros, papagaios e caturritas, é perdi, mas embora tivesse perdido  o que me era essencial, ganhei muitas  em troca... amigos, família, é bichos não, uahsaus.
Fui redescobrindo como as musicas encantavam os ouvidos e descobri em um exato momento a magia da primavera. As flores desabrocham sabia? Eu nem pensara nisso, elas sempre fazia aquilo naquela época, porque eu ia de me importar. E os pássaros, tamanha beleza que carregam em cada batida de suas asas, como fui tola em ofuscar meus olhos...
Meu afilhado, á alguns meses atrás durante uma caminhada para sua escola, perguntou-me o porquê as pessoas corriam tanto... Achei estranho para uma criança de 3 anos me fazer esta pergunta, mas respondi: “É porque elas estão trabalhando, não podem perder tempo”, ele voltou a falar; “ Então é por este motivo que elas não brincam na pracinha, nem passeiam como nós fazemos todo dia”...parei por alguns minutos pensativa, diante daquela afirmação percebi o quanto as pessoas correm durante o dia, e ao termino de seu expediente, saem cansadas diretamente para suas casas e nem param para olhar um por do sol... Talvez se prestassem uma mínima atenção em um beija flor, em um pássaro que rompe o céu lá no alto, se sentissem o cheiro que a flor propaga, se saíssem do stress de um dia difícil e fossem tomar um sorvete, bom nos dias frios que estão fazendo aqui no sul, um chocolate quente é bem mais apropriado!
E necessário que essas pessoas vejam a beleza que ainda nos é fornecida. Quem vê pela primeira vez com os olhos limpos, consegue sonhar e até mesmo ilusionar um mundo melhor....deixem que as andorinhas os acordem na janela, que as flores perfumem as tardes mais cinzentas, que até mesmo o sorriso de uma criança faça repensar momentos que nunca mais irão voltar.
As crianças sabem, elas sentem e vivem todos os momentos como se fossem únicos!
Permita-se voltar a ser criança um dia desses!

( Katherine Hernandorena)

Nenhum comentário:

Postar um comentário